Renove suas energias!

04/07/2007

peanuts-think-big-print-c12205003.jpeg 

Renovar é preciso!

Pegue sol

Um banho de sol (protegido com filtro solar) eleva os níveis de serotonina no cérebro, o que ajuda a levantar o astral e a aumentar a energia. Um estudo da universidade americana de Massachusetts descobriu que raiva e hostilidade são maiores no inverno e menores no verão. Além disso, 20 minutos de sol ajudam a proteger o corpo de gripes e resfriados.

Segundo um estudo americano publicado em abril na revista Journal Epidemiology and Infection, é a vitamina D, e não a C, a que melhor protege contra os vírus que causam

essas doenças. A vitamina D, sintetizada pela luz solar, ativa as defesas naturais do corpo, além de contribuir ativamente para a saúde do coração e dos ossos.

 Bóie na piscina

A flutuação já é utilizada por terapeutas para relaxar a rigidez muscular e restaurar as energias. Nódulos e tensões bloqueiam os meridianos –canais energéticos do corpo–, mas podem ser liberados mais facilmente com alongamentos e movimentos na água quentinha, entre 32ºC e 36ºC. “A força de empuxo da água diminui a força da gravidade, por isso relaxamos mais na piscina, o esforço da musculatura é menor”, diz Marcelo Roque, fisioterapeuta especialista em terapias aquáticas.

 Inspire vitalidade

Um dos primeiros sinais de estresse e fadiga é a respiração curta e acelerada, que não promove a oxigenação adequada das células. Respirar profundamente com o diafragma é incorporar mais energia vital para o organismo. “É importante aliar todo tipo de mentalização com uma respiração profunda e lenta, em que a inspiração acontece pelo nariz e a expiração pela boca. Toda respiração consciente tem o poder de recuperar o organismo, porque, além de regular a freqüência cardíaca, ajuda na programação cerebral da disposição”, diz Mara Raboni, psicóloga do Centro de Estudos Psicobiologia do Exercício da Unifesp.

 Mantenha-se ocupado

Já diz o ditado: “Se tiver de pedir algo a alguém, peça ao mais ocupado, os outros nunca têm tempo”. Pode parecer contraditório, mas estar envolvido com muitas atividades dá mais energia. “O corpo fica mais adaptado, a mente procura se organizar e isso não dá margem para o mecanismo de preguiça que todos nós temos, responsável pela falta de vontade em fazer as coisas”, diz o preparador físico José Rubens D’Elia.

 Leia histórias inspiracionais

Segundo Amby Burfoot, vencedor da Maratona de Boston, em 1968, e autor de “The Principles of Running”, o exemplo de outros atletas ou pessoas que precisaram superar obstáculos para atingir o sucesso dentro da sua área é extremamente motivante. A idéia “se outras pessoas conseguem, você também pode” reforça na mente os objetivos estabelecidos.

 Cerque-se de pessoas “alto-astral”

Amigos otimistas, cheios de energia e participativos são os melhores incentivadores e podem “contaminar” outras pessoas com seu entusiasmo. “Encontre um parceiro compatível para correr com você pelo menos uma ou duas vezes na semana. Não busquem competir um com o outro, mas curtir o tempo juntos e fazer tudo o que for possível para manter cada um motivado durante a semana”, afirma Amby Burfoot.

Leia mais aqui!  

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: